terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Orgulho Avanti

A participação da torcida no programa de sócio-torcedores AVANTI é cada vez mais arrebatadora. Isso porque o Palmeirense quer ir ao estádio, quer contribuir com o time, quer ver o seu suado dindim trazendo camarão. Quer participar pra ser campeão junto, sabendo que fez parte da conquista. Isso é AVANTI.

Kfuro
em recente matéria um jornalista pergunta ao leitor por que a Ucrânia leva nossos jogadores. De forma sincera parece não saber. Ok, mas o fato reflete o descompasso de quem parece viver dentro de uma redoma qualquer. Ignorar o fato de que existe uma grande facilidade para lavagem de dinheiro em alguns países mostra o quão distante nossa imprensa está da realidade que nos cerca.

Neto e sua “Obrigação”
O problema não é ser jornalista torcedor. É ser torcedor tentando ser jornalista. E ainda esquecer o passado. Dizer que uma equipe tem a “obrigação” de chegar as finais é conversa de boteco. Tipo da coisa que só serve pra colocar pressão. Obrigação o time tem é de desenvolver um bom futebol preparando o o elenco recém-formado pro restantante da temporada e se dedicar 100%. O resto é conversa de quem aprendeu com o Mala Neves.

TV muda nome
A TV consegue a proeza de mexer na logomarca, no símbolo do time, pois se refere a marca de um produto. O mesmo fazem com a Allianz, que pagou tubos pela exposição da marca e vê seu nome extirpado da narração.

Ema excelente análise do tema é feita por um profissional da área. Um belo chute no saco global. Os caras vetam mostrar patrocínios pra cair tudo em seu colo. Atitude típica de qualquer grande corporação (que fodem o mundo). Nojeira é pouco.

É inacreditável a que ponto chegam distorcendo a realidade pra caber em suas catacumbas comerciais, as mesmas que sepultaram os jogos as 21h15 e outras coisa mais. Só pra lembrar, o futebol JÁ EXISTIA e muito bem, antes da televisão existir. Agora é esse produto com cara de Cremogema que nos presenteiam. Tragam a realidade por favor!!!



Impren$inha:  todo veículo de comunicação que privilegia a venda da notícia em detrimento a informação. Que distorce informações pra “caber” em seu “conteúdo”. Que pasteuriza pra tornar qualquer matéria deglutível. Que transforma fato em versão. Que descontextualiza para salientar. Que – disfarçadamente - realiza matérias sob interesse de terceiros em troca de benefícios. Que omite ou manipula informações por interesses particulares diretos. Que utiliza artifícios de linguagem para vender, independente da distorção de opiniões que isso possa causar. Que monopoliza a mídia criando uma massa crítica de pensamento raso, homogêneo e suscetível à manipulação. Que não retrata a realidade como ela é, mas como quer ela que seja.

“Sensacionalismo” é um conceito ultrapassado, focado apenas no exagero linguístico de veículos voltados ao folclore informativo.

A censura é tão reprovável quanto a crítica é fundamental. A imprensa deve EVOLUIR em sua forma de Comunicação, elemento crucial à formação de uma sociedade consciente.  

6 comentários:

  1. Boa Galluzzi, voltando aos velhos tempos. "Kfuro" é perigoso, trabalha exaustivamente em pró ao time dele tem a capacidade de as 19:00 horas usar um tom na CBN "das organizações" e as 21:00 hs ser totalmente oposto para agradar os amigos da ESPN, é como se trabalhasse no PT e PSDB ao mesmo tempo, mas tudo em pró daquele time. O Neto coitado será sempre neto jamais será sênior se é que entende o trocadilho, mas esse recebe para pautar, e bate forte em quem não paga a pauta. E quanto aquela TV. Lá no Boteco do Verdão que eu também frequento ta começando uma campanha para tratar eles como "RGT"

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande PG, a verborragia é a mesma! rsss... Cara dá vergonha de ver como as pessoas são manipuladas por informações distorcidas. É triste. Muitos na imprensa desse país, como já dizia o Jaguar "são canalhas" mesmo. O cara divulga a notícia sabendo que ão é verdadeira, apenas pra causar "burburinho", foda-se o opinião pública. Já a Globex é aquilo lá... a grande Coorporação da Mídia nacional. Age simplesmente como todas as grandes coorporações agem, defendendo seus interesses e colocando uns panacas pra lhe dar cara uma cara humana, tipo Bonners, Bial e Huks. Deveríamos fazer a campanha: PRESERVE A CULTURA NACIONAL. DESLIGUE A TV ABERTA. Quem sabe...

      Excluir
  2. É isso aí, Galluzzi, sem papas na língua!! O Kfuro está mostrando os efeitos da senilidade, muda de postura de acordo com o que seu clube está passando. É um jornalista-torcedor, mas que molda a informação para defender seu clube.
    Sábado eu parei alguns minutos para ver aquela pelada do SCCP com um timeco amador da Inglaterra e foi só por alguns minutos, pois ao ouvir o caipirão que se acha um baita comentarista/ jornalista/ apresentador não dava para continuar. Eu ouvi o tal do Neto criticar o Jadson porque voltou do recesso de fim de ano acima do peso, disse que jogador tem que se controlar, é uma vergonha chegar pra pré-temporada acima do peso. Opaaaa, mas quem tá falando isto?? O cara que vivia em briga com a balança??? O cara que teve que encerrar a carreira precocemente porque o metabolismo não acompanhava mais seus hábitos alimentares??? Ah... dá licença, viu!!
    Quanto à RGT, vem destruindo o futebol, com seus horários absurdos e cotas e exposição privilegiada e diferenciada para seus queridinhos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vini, o Neto mora aqui perto de casa, o Piça de Cão (como adora ser chamado). Nojento mesmo é ver a maré de jornalistas pro time do povinho. Falar mal do Curintcha é jogar pedra na cruz, é ir contra o "povo", é perder audiência, é cagar de medo.

      Por isso sou e sempre serei Palmeiras Vini... essa ASQUEROSA vitimização do tipo "sou oprimido, sou sofrido, sou do povo" é uma desinteria cerebral, um complexo de vira-latas ao avesso usado pra angariar simpatia no estilo "tenham pena de mim". Aqui no Palmeiras não somos povinho nem "zelite", somos cidadãos, classe média trabalhadora "gente como a gente".

      Mas na imprensa é tudo assim man. Brasileiro tem memória curtíssima, os caras sabem disso, deitam e rolam.

      Excluir
  3. Tem time que comemora títulos, outros comemoram patrocinio....KKKK

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só não te deleto pra lançar na tua cara: se você prefere LAMBER O SACO da família Marinho problema seu. Aqui a gente anda com as próprias pernas sem PRIVILÉGIO da TV nem BOLSA FAMÍLIA do governo. Falou, Mané.

      Excluir