segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Vitória pra embalar

Terceira vitória consecutiva é o que qualquer time precisa pra ter uma semana de treinos calma, antes da próxima rodada. Confiança, tranquilidade. Dá condições pra que o esquema seja ajustado sem pressa,, sem pressão.

E como é que está esse esquema? A zaga parece que continua se firmando. A lateral ainda tem brecha. Lucas pela direita vem evoluindo (recuperando-se da costela fraturada) e João Paulo – substituindo o Zé Roberto – não comprometeu.

Aqui uma observação. O Vitor Luís, revelação do ano passado, joga melhor em sua posição de origem – lateral esquerda – do que como volante, como o Oswaldo costuma escalá-lo. Mas as laterais estão medianas e devem melhorar.

Na guarda o Gabriel continua consistente. Mas tendo o Robinho, que é meia, jogando ao seu lado como 2º volante, fica um pouco sobrecarregado. Eu jogaria o Robinho pra frente deixando o Arouca nessa função, ao lado do Gabriel. Robinho é meia (que ajuda a marcar), não um volante (que apoia).



Na meia, o Dudu oscila um pouco, mas parece um legítimo camisa 7, e isso é típico dessa camisa. Genialidade e inconsistência. Víamos muito isso num tal Animal, que não raro mandava uma no cravo outra na ferradura. Deixa o Dudu ser moleque, tem que ser a alegria em campo.

O Robinho tem um senso tático bem apurado, por isso casa bem com um 7 assim. Nessa é só voltar o Valdívia, ou mesmo em sua ausência mandar o Allione ou o Cleiton Xavier pra “fazer” a 10.

Na frente, o Cristaldo continua comendo seu feijãozinho e guardando os filés, como o 2º gol. Golaço. O primeiro foi puro oportunismo, fundamental aos centroavantes. Esse está sorrindo de lado a lado nessa semana. Merece!

Meu time titular hoje seria Prass, Lucas, Tobio, Victor Hugo e Zé Roberto. Gabriel e Arouca, Robinho Dudu e Valdívia. Cristaldo. Na ausência do Valdívia, Allione, Cleiton Xavier ou Rafael Marques. Ou até mesmo Zé Roberto com o Vitor Luís na lateral esquerda.

Não me convenceu ainda o Allan Patrick. Mas não vamos pegar no pé, ainda há muito chão pra percorrer. Esse é só o começo. Então vamo lá Oswaldão, pau na máquina que é pra encher no fim de semana. VAMOPALMEIRAS!

6 comentários:

  1. Galluzzi, não conta pra ninguém mais não é Zé Luis é Vitor Luis. Mas hoje sem o Cleiton Xavier inscrito, o time e esse mesmo. A unica coisa que eu acho é que os jogadores estão muito presos no esquema. Eu acho que o Dudu fica muito preso na esquerda, comparando com o Edmundo como voce diz, tinha que flutuar mais e encostar mais no centro avante. Sei la, embora todo mundo jogue neste esquema eu sou mais o tradicional 4,4,2. com as jogadas pelos francos sendo feitas pelos laterais com mais liberdade. Pra mim tem mais a cara do futebol brasileiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah fodeu PG, agora é só nome composto, sou do tempo dos apelidos. Voltem os apelidos!!!!r ss... grazie!

      Excluir
  2. Hummm, não sei..... Prefiro o Allione e Dudu abertos, Valdívia centralizado e Cristaldo metendo a pelota pra dentro. Com Robinho e Arouca o time fica habilidoso e seguro, mas pode faltar uma presença mais ofensiva dentro da área. Quando tiver todo mundo à disposição a teimosia do OO vai falar mais alto, CX, Robinho, Rafael M são bancos, com Gabriel, Arouca, Valdívia, Allione, Dudu e Cristaldo do meio pra frente. Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ser... chegar na área adversária só com um atacante é osso.

      Excluir
  3. Mesma competência de sempre Galluzzi...Acompanhando já. Abraço.....Piethor Drumond

    ResponderExcluir