segunda-feira, 9 de novembro de 2015

Prioridade feita, tudo pela Copa.

Palmeirenses de todo mundo, relaxai-vos. O que vimos nesse domingo não foi o Palmeiras, mas um combinado pra entregar 3 pontos ao Vashco.

Não esperem que eu chegue aqui descendo lenha no elenco ou comissão. Tá na cara que já priorizaram um campeonato e é o que temos pro momento.

O Palmeiras está reservando seu fôlego pra Copa do Brasil, isso sim que importa. Tô sendo muito otimista? Lógico, é o que nos resta!

O Mattos deve reunir o elenco e comissão e declarar: são vocês em 2016. Onde quer que levem o time nesse fim de ano, estarão lá junto em 2016. Ou seja, é melhor correr...

Ainda que seja voz dissonante, discordo total e completamente da mudança radical de comissão e elenco. É óbvio que de uma temporada pra outra alguns vão e outros vem. Mas conhecendo futebol digo de cara: há times que você percebe que não vão pra frente e outros que apesar de maus resultados demonstram enorme potencial. E esse é nosso caso.

Desmontar todo time de uma temporada pra outra é a maior dificuldade que se enfrenta. O entrosamento volta ao zero. Nessas alturas dos campeonatos, os jogadores já sabem que é na Copa que mora nossa chance de um ano realizado. E a ela irão com toda vontade possível. Ao lado estaremos, pra cobrar e celebrar.

Nesse momento fratellada, deixo as sábias palavras do grande mestre, que todos sabem quem é... YODA, o verdinho fantástico. Que aliás deveria ser adotado por nossa torcida. SABEDORIA FRATELLI!!! Agora é hora de sabedoria... saber domar nossos instintos destrutivos internos pra chegar num outro nível. YODA É FODÃO. YODA É VERDÃO!!!

16 comentários:

  1. Galluzzi, beleza, sei que devemos ter paciência e sabedoria para esperarmos resultados melhores no próximo ano, mas convenhamos que perder para o Lanterna do campeonato em casa e com ela praticamente cheia, não tem "Jedi" que não pense no "Lado Negro da Força" e tenha vontade de mandar esses "Pangarés" todos para o espaço, mas aguardaremos para ver os melhores resultados chegarem, brevemente se possivel.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caro Denílson, podemos até "pensar" e "ter vontade", mas a torcida vai além e manifesta isso. Não é esse mesmo "espaço" que nos traz "pangarés" temporada após temporada? Então... o que garante que não vem mais do mesmo? Na boa? Pura ilusão de torcedor deseperado. O problema não é o que vem do espaço, mas o que se planta aqui na Terra fratello. Dia 02 tâmo lá. Abs!

      Excluir
  2. O que me aflige neste caso é o Palmeiras estar vendendo resultados... Se for isso e acabar constatando-se isso, será uma tremenda decepção pra mim. Espero do fundo do coração que não tenha sido isso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claudião, quisera tivéssemos futebol pra dar ou vender. Abs!

      Excluir
    2. Só posso responder seu comentário com um sonoro: kkkkkkkk
      Abraço!

      Excluir
  3. Galluzzi meu vei, desta vez eu discordo em alguns pontos. Não devemos mesmo desfazer da comissão técnica e nem outro elenco. É óbvio que tem no minimo meia duzia que não podem ficar mesmo.
    Mas o problema ta parecendo estar sendo outro, a impressão que passa é que está rachado mesmo. O trabalho no momento tem que ser do A.Mattos, junto com o MO e o Gerente de futebol identificar estes caras e colocar pra fora de imediato, e trazer o grupo nas mãos novamente.
    Outra coisa, ao contrario do post, eu acho que tinha que comunicar de imediato, que vai sair e quem via ficar. E quem for embora que saia já. Pois o resto do Brasileiro não farão falta, e evidentemente tambem não farão nos 2 jogos da CB.
    Até domingo antes do jogo tinha esperança na CB. Depois do que assisti acho que acaba no primeiro jogo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Entendo PG, mas "rachado" pelo quê? Tenho um amigo que conhece o Prass, foi na festa de aniversário de casamento dele onde haviam vários jogadores e foi categórico em dizer que o grupo é bem amigo.

      Agora... vamos falar que o Palmeiras não fez o possível e impossível pra montar um grande elenco em 2005? Que não contratou uma puta comissão técnica? Porra, fez tudo isso!!!

      Sabe qual é o X da questão? No Palmeiras não há técnico no mundo que faça sucesso. Discordas? Me prova o contrário então fratello, por favor!... Pq ter 43 anos (eu) e só ter visto 2 técnicos sendo campeões por aqui me deixa com clara a impressão que o problema não vem de fora.

      É foda fratello... mas pasei 3/4 da minha vida ouvindo que o problema do Palmeiras são os jogadores pernas de pau ou o treinador burro. Uma hora cansa... o Palmeiras tem que saber dar AMBIENTE, tranquilidade, confiança... um terreno mais fértil pra que jogadores e treinador tenham identificação e consigam desenvolver o melhor possível. E isso frequentemente NÃO ACONTECE... e o que a gente fala disso? "Ah, eles tem que saber lidar com a pressão, são pagos pra isso." Então tá... vamos continuar tomando na tarraqueta década após década e xingando elenco e treinador. E viva os años 80.

      A gente pode mais que isso não é PG? Porra, a torcida do Palmeiras é diferenciada, poderia INOVAR na relação com o elenco, ajudando a transmitir essa confiança a começar pelo respeito a quem veste a camisa nos 90min. Vc viu o último jogo do Borussia, o que eles fazem com a torcida? Para com isso... estamos anos-luz da civilização fratello... vâmo iluminar essa porra!!!! Abs!

      Excluir
  4. Eu sei que não aguentamos tantas decepções, que sofremos muito nos últimos anos, porém este ano chegamos em duas finais com chances de título, já deu pra perceber que este ano não foi como os anteriores, e que temporadas ainda melhores virão!!! E que nos cabe é apoiar pois estamos próximos de mais uma final e esta com toda a certeza sera com um final Alviverde!!!!! Abraço Galluzzi!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Caio... quisera essa mentalidade se espalhasse pela torcida. Devem ser cobrado por desempenho? Lógico!!!! Mas é na FORMA como se faz essa cobrança que está a questão.

      Hoje, o prisa declarou - importantíssimo - que o TIME tem que respeitar a torcida. Vero!!! Mas isso nunca acontecerá se esse time não se sentir RESPEITADO.

      Repito: Não é cobrar ou não cobrar.. é a FORMA que se cobra (quando, onde e como). Entenda que hoje em dia até o pior bandido se considera vítima se achar que foi esculachado...

      Palmeirense, Acordai-vos!!! Controla tua emoção e usa de psicologia!!!! Valeu Caio, abs.

      Excluir
  5. Galluzzi,
    Não podemos e não devemos colocar a culpa de tudo no torcedor e sua respectiva impaciência. Tudo que o torcedor palmeirense mais fez neste ano foi apoiar incontinentemente o time. Alavancou o programa sócio torcedor, compareceu em massa ao estádio. Representou o que de melhor uma torcida pode representar para um time ou clube como queiram. Este fato, aliás, provocou ciúmes em boa parte da mídia esportiva e em alguns clubes, que nós sabemos muito quais são, mas que não vem o caso citar.
    Não existe o menor sinal de que o time esteja evoluindo, muito pelo contrário, está em queda livre. No começo, como justificativa para os tropeços, se falava muito que o time estava em formação e que era necessário um tempo para o natural entrosamento. Depois vieram as desculpas pelas lesões de Gabriel e Arouca.
    Não creio que o Palmeiras seja inferior tecnicamente a: São Paulo, Santos, Ponte Preta, Sport Recife, Vasco, Internacional, Chapecoense, etc.. As condições de trabalho dos atletas e comissão técnica são muito superiores a qualquer dos times citados e não consta que existam atrasos nos pagamentos.
    Na verdade, todos os fatores contribuíam para o famoso “Céu de Brigadeiro” no qual viajavam nossa “puta comissão técnica” até que eles mesmos derem um tiro no próprio pé e tiveram a infeliz ideia de poupar jogadores no campeonato brasileiro, jogando fora uma oportunidade de ouro de trazer cada vez mais o torcedor para apoiar o time.
    Penso que a reação do torcedor seja justa e a pressão para conseguir o resultado nas duas partidas da CB deve aumentar, e muito, nos próximos dias até o dia 25/11 quando se espera uma melhora significativa na qualidade do futebol do time.
    Para concluir, eu penso que uma comissão técnica realmente qualificada consiga dar bom padrão de jogo a um elenco bom tecnicamente, como o do Palmeiras. Eu não creio que um time bem treinado tenha uma defesa que toma em média 1,5 gols por jogo e só sabe dar chutões.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande fratello João... entendi perfeitamente sua indignação. Mas veja, não culpo exclusivamente a torcida não e reconheço efusivamente nossa participação e apoio. Sem dúvida o palmeirense comparece e apoia. Mas também exerce uma crítica destrutiva e precoce. Tudo junto...

      A pressão é justa, lógico. Mas muitas vezes, pela FORMA como é feita, se torna contraproducente. É uma simples questão de psicologia...

      Pra exemplificar, cite de qual planeta virá essa comissão técnica realmente qualificada. E quantos meses levaremos pra desqualificá-la. Vivemos eternamente na espera do "elenco a altura" ou da "comissão técnica realmente qualificada." E assim a fila cresce. Cara, eu vivi isso na década de 80!!! Se quiser marcar uma cerva pra desenvolver a questão, é nóis!!! Abração fratello!

      Excluir
  6. Galluzzi,
    Contraproducente mesmo é este time tomar um sacode após o outro, jogando cada vez pior e ter folga de dois dias após as partidas. Foi a isto que o PN colocou nos vestiários para eles quando pediu que a torcida fosse respeitada.
    Cada um tem o seu critério de avaliação. No meu caso, entendo que por qualificação seria uma comissão técnica criar um padrão de jogo onde a defesa estaria bem posicionada e segura, tivesse uma transição rápida no meu de campo e criatividade no ataque. Estes requisitos faltam ao Palmeiras com esta comissão técnica. Não sei exatamente o que aconteceu, mas é muito estranho que após o jogo contra o Vasco no primeiro turno o Palmeiras tenha caído tanto de rendimento. Você diz que o ambiente é bom, então só me resta concluir que o problema esteja na falta de qualidade desta comissão técnica.
    De qualquer maneira, estamos todos no mesmo barco e torcendo para o Palmeiras campeão. Se não for campeão da CB temo que o ciclo desta comissão técnica no Palmeiras seja interrompida por pressão da torcida que já não aguenta mais tanta decepção.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. João, João... não respondeste minha pergunta... ONDE!!!! ONDE acharemos tal comissão técnica João???... Fratello, resista!!! Não caia no discurso óbvio da caça às bruxas que a imprensa incentiva e depois critica!

      O PN falou sim sobre respeito ao torcedor pela atitude que o time teve em campo, pelo forma como perdeu. Nada a ver com folga de 2 dias... esse é o tipo de miopia que não podemos cair... "ahhh folgou dois dias, manda embora essa bosta de comissão que não treina". Isso é papagaiada.

      João, o que eu tento dizer é que time bom é aquele que CONSEGUE ser campeão sem precisar rodar 380 técnicos pra isso, entende meu caro? Precisamos ser terreno fértil, não cáustico, entende? Porque vc acha que os caras aumentam a pedida pra atuar aqui? Por conta disso! Sabem que encontrarão uma condição difícil e já embutem o "custo Palmeiras"!!! É à isso que me refiro! Essa condição (além do dinheiro) que o clube proporciona ao elenco e comissão.

      Pra exemplificar, em 2006 o Tite se pirulitou do Palmeiras após o Palaia declarar que ele "deveria falar menos e treinar mais o time". Vc lembra do que nos aconteceu depois? Ficamos a 1 ponto do rebaixamento.

      Finalizando, ratifico minha opinião: tenho CERTEZA que se o Palmeiras (interna e externamente) desse mais tranquilidade e confiança às equipes e comissões técnicas, teríamos muito mais títulos na mão. Principalmente agora que temos melhor elenco e uma comissão técnica campeã pra treiná-lo. Sinceramente, dá VERGONHA a forma como o Palmeiras precisa de tantos e tantos e tantos e tantos técnicos pra achar um que o faça campeão. Tenha dó.

      Compartilho tua frustração. A falta de padrão enraivece qualquer um, tbm achei que teríamos um desempenho melhor! Mas infelizmente amigo, assim É o futebol (e muitos outros esportes também). Muito mais difícil do que se vê de fora. Pode salvar o que estou escrevendo. O Palmeiras manda a comissão embora, contrata outra e em 8 meses a gente volta ao mesmo discurso. Até quando fratello... até quando? Abração de quem nunca abandona o barco!!!! rsss.

      Excluir
    2. Galluzzi,
      Não sei exatamente a razão, mas esta breve discussão me levou a lembrar de uma obra literária publicada em 1945, de autoria de George Orwell e intitulada “A revolução dos bichos”. Essa novela revela, em suas metáforas, uma aversão total a qualquer tipo de autoritarismo. Além de ser extremamente importante para que se entenda o funcionamento de sociedades comandadas por diferentes tipos de governos, esta obra pode ser vista como uma alegoria a toda e qualquer forma de tomada de poder e, depois, o corrompimento por este mesmo poder.
      A ação ocorre na Granja do Solar, dirigida pelo Sr. Jones, que explorava o trabalho animal em benefício próprio, para acumular capital. Em troca dos serviços prestados, ele pagava com a alimentação, que nem sempre era boa e suficiente. Será que não poderíamos ter aqui o retrato do Palmeiras de hoje em relação ao seu torcedor?
      Existem vários personagens do livro que poderiam ser utilizados como conexão com os torcedores, mas eu, particularmente, vou citar apenas um:
      Sansão: cavalo forte, que cumpria todas as ordens que lhe eram dadas sem reclamações, era o que mais trabalhava entre os animais, sobrava-lhe fidelidade à causa dos animais. Representa o proletariado, o homem fiel, trabalhador, aquele que não questiona e que cumpre suas obrigações humildemente, convicto de que é para isso que ele existe.
      O final da estória todos sabemos!
      Um abraço.

      Excluir
    3. Mas João, não adianta ficar nessa de achar quem apoia é burro de carga. Senso crítico existe também pra pensar além do convencional! Vc acha que a gente não reclama, não questiona? Então não deves ter lido nenhum post anterior! Veja lá com seus próprios olhos!

      Vamos separar o jôio do trigo: Apoiar SIM. Constante e initerrupto. Cobrar SIM. Na forma e hora certa (e não de forma prematura). Mas principalmente, não deixar de ver ONDE estão as dificuldades que vão além da eterna troca de jogador e treinador: sei que é foda admitir, mas no Palmeiras há muita VAIDADE e muita PAIXÃO. A vaidade faz com que cada um reme pro seu lado. A paixão faz que não se enxergue o horizonte..

      A referência literária é excelente! Belíssima metáfora sobre como diferentes ideologias, uma vez no poder, acabam igualmente tiranas... cito outra pra ti: Leonardo Boff (aquele da Teologia da Libertação) diz que o ser humano é uma águia que vive como uma galinha. à bela referência, ouso incluir um arranjo: é uma águia, vive como galinha e pensa que é um pavão. Capisce?! rss... Abs, bela dialética!!!

      Excluir