terça-feira, 24 de maio de 2016

Pedalou, dançou. Surge uma nova mentalidade

E como todos sabemos, de boas intenções o inferno está cheio. Sujeito de palestrinidade inquestionável, o Belluzzo conseguiu, com seu viés desenvolvimentista amplamente apoiado pela torcida (gastar pra arrecadar) ir parar na UTI. Sim, porque quando ele viu que toda dinheirama gasta não foi capaz sequer de nos levar à Libertadores de 2010, quebrou. Aliás, vendo o Palmeiras quebrado, fez o mesmo.

Isso mostra como no futebol não basta ter boa intenção. Tem que ser malandro, ter muita coragem pra peitar a torcida e nunca, jamais deixar o dinheiro falar sozinho. Caso contrário teremos sempre um bando de mercenários (como foi em 2010 quando o time parou de jogar após a chegada do Vagner Love com um salário alto) ao invés de um time de futebol (que luta por algo além de sua conta bancária).

Belluzzo, compartilho da sua paixão. Eu estava lá em 2003 quando foste derrotado pelo Mustafá... torcendo por você. Pois é... não deu aquela vez. Mas deu em 2008 e agora deu no que deu, e você deu mal. Sacanagem... tenho certeza que foi muito mais ingenuidade do que intencional. Mas é bom que saibamos... um presidente bem intencionado mas ingênuo pode causar um grande estrago.


Tirlones 
E o que falar do nosso Tironinho, Banana de Pijama? Presidente Old School, teve uma grande escola, mas deve ter feito o que todo dirigente Old School faz: acreditou nas pessoas erradas, perpetuando um modus operandi que foi o responsável pela falência de quase todos os clubes de futebol, que hoje RASTEJAM para a televisão com o pires na mão.

O Palmeiras é o primeiro clube a ter tranquilidade pra negociar seu contrato televisivo sem abaixar as calças. Mérito do Nobre? Mérito nosso de termos um presidente com essa capacidade e culhão pra investir com tamanha confiança.

Mais importante do que as pessoas, é mudar o SISTEMA que permite a pessoas, extremamente bem intencionadas, acabarem sendo responsáveis por imensos descalabros administrativo-financeiros que, a olhos nem sempre tão claros, passam despercebidos e ano a ano corroem e comprometem a saúde financeira de uma equipe, que é de onde, de forma prática, vem sua força em campo.

É hora de mudança. É hora de transparência. É hora de competência!!!! PALMEIRAS, MOSTRA O CAMINHO!!!! FORÇA VERDÃO!!! ACREDITA, FAMÍLIA!!!

2 comentários:

  1. E aí Galluzzi, tudo certo, hoje é dia de tirar os "pós-de-arroz" da frente e voltar a ponta, nada melhor para começar bem o feriado, lendo o seu post concordo com o que foi dito, de bem intencionado o inferno e Brasilia tá cheio (mais o primeiro que o segundo), apesar do Nobre ter colocado dinheiro do próprio bolso (que estamos pagando por sinal), foi o único que colocou as contas em dia e agora pode mandar um "chupa" para a RGT e para o EI também que achou que iria ser fácil, creio que vamos conseguir um bom acordo, ainda mais se o time começar a corresponder no campo como a gente crê que vá.
    Como a eleição é esse ano, quem você acredita que pode continuar com a politica atual mantendo o time com essa responsabilidade financeira e fazendo ajustes pontuais para podermos manter o time competitivo?

    Abraço e bom feriado

    Denilson

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Grande Denilson! Cara, na minha vida devo ter acompanhado uns 10 presidentes do Palmeiras, pelo que lembre, e nenhum deles chegou perto de promover as mudanças de paradigma administrativos dentro do clube como o Nobre fez. Conheço o Criscio pessoalmente, gente boa... mas só de ver um nome ligado ao capeta (WTorre), já me dá urticária. Nessa toada, e tendo em vista os nomes rançosos que ainda existem por lá, sou pela permanência do Nobre. Como isso é impossível, acredito em quem ele indicar, que a princípio deve ser o Maurício Gagliotte. Mais que responsabilidade é preciso uma força hercúlea pra ser presidente do Palmeiras, confrontando torcida, conselheiros arcaicos e o pior, os vazamentos que, por mais que estanquemos, sempre terá um FDP pra jogar pra imprensa, na intenção de prejudicar quem está no comando. Ou seja, o sujeito tem que ser forte, malandro, astuto e corajoso. Pra começar tá bom né? rsss... Abração, hoje é nóis em NOSSA CASA. Estarei lá na superior setor 505, K 1. Abs, bom feriads!!!

      Excluir