quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Homenagens

É difícil.... difícil achar palavras pra descrever tão doloroso momento. Assistir o desaparecimento de pessoas que você viu ao vivo tão bem, apenas 2 dias antes é algo surreal. Sentimos hoje um vislumbre do que milhões e milhões de pessoas sentem ao verem seus entes queridos partindo à guerras e batalhas.

A única frase que me vem a cabeça agora é uma que está escrita no Mausoléu da Revolução de 32 “Morreram jovens para viver sempre”. A frase é maior, mas fica a essência.

O movimento de solidariedade que parece nascer a partir do fato é comovente, jamais compensará a dor de quem fica mas, pode alçar nossa vivência à uma realidade mais consciente do próximo.

Seria excelente se a renda de toda rodada fosse convertida pra auxílio das famílias ou do clube. Nesse momento ações práticas são importantes.

Que a passagem tenha sido breve, a Luz presente e o conforto aos que ficaram, constante.


FORÇA CHAPE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário