segunda-feira, 27 de março de 2017

Empate põe os pés no chão

Fala a verdade... foi ou não foi um joguinho sonolento? Tudo bem, segundo tempo houve 3 gols! Mas o time parecia estar num passeio no bosque... compreensível e digo até saudável após de tanta emoção. É bom pro time respirar um pouco.

Assim, vemos que se houver qualquer bobeada o adversário confere mesmo. Bom pra colocar os pés no chão. Classificado e em primeiro lugar, há o risco de sofrer descompasso de rendimento quando for mais preciso, então é bom aproveitar o resultado pra voltar à pegada e pressão. 

Roger Guedes em seu melhor momento
Esse muleke, Roger Guedes, joga bola. Desde que aqui chegou mostrou bom futebol. Mas não teve consistência. Oscilou muito e viu novas contratações chegando pra sua posição.

Mas a juventude tem qualidades que nós, velhacos, por vezes esquecemos. E dentre elas está a capacidade de olhar pra frente e não pra trás. Assim, Roger Guedes deixou de lado uma temporada difícil em 2016 e iniciou 2017 com tudo, disposto a finalmente deixar sua marca. E assim vem fazendo.

Seja por orientação técnica ou pelo seu novo e esfuziante penteado Cacatua do Paque, nosso caro RG vem causando salseiro nas defesas adversárias. Com William ou Borja, joga seu futebol rápido, vertical e solidário. Finaliza bem e também dá boas assistências, sem contar com estilingadas desconcertantes.

Então é isso aí Guedes! Que seja grande sua confiança e longa sua presença no topo. Continue com essa aplicação tática, pois técnica você tem. Acelera RG!

Allianz Parque e seus shows
Tudo ok, normal com os shows que serão feitos. Temos que nos acostumar ao fato e usar o relacionamento amistoso que essa diretoria tem os diversos setores pra tentar negociar, da melhor forma possível, sem se tornar refém da situação.

Ótima notícia sobre essa nova prática da administradora em remover completamente o gramado (que finalmente está bem verde!) pra retorná-lo após os eventos, precisando de apenas 24 horas pra poder ser utilizado. Resta ver se vai mesmo funcionar! Caso positivo teremos equacionado um problema crucial nesta vitoriosa parceria. Mas ainda restam questões.

Até o Mustafá Contursi veio a público enfatizar que há pontos que a construtora ainda precisa realizar no estádio. Sensacional Musta! Agora sim ajudou. Particularmente, NÃO ACEITO nosso estádio sem os símbolos em grande alto e bom tom. Mas tem a ver com os naming rights vendidos à Allianz.

Estou certo que um MOBILIZAÇÃO da torcida nesse sentido poderia ajudar E MUITO a seguradora em se sensibilizar e abrir mão para que fossem instalados DENTRO E FORA do estádio, nosso símbolo. Atrás do gol (norte) poderia ser removível (pros shows). Mas nas colunas externas, grandes, visíveis e permanentes. Em dia de show, é só manter apagado, acendendo nos dias de jogos. Ae sim, o estádio estaria do nosso jeito! Ajuda aí Mustafá!

6 comentários:

  1. rapaz, já estamos em 2017, não dá pra acreditar em roger guedes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fale por você amigo... o moleque é novo, seria titular em qualquer equipe do Brasil, acredito e boto fé. Bem treinado decola bonito.

      Excluir
  2. Concordo contigo galluzzi. Roger guedes joga muito. Essa instabilidade é típica da idade. Esse moleque vai estourar ainda. É uma pena que só temos 25% dos direitos. O criciúma queria vender mais 25%, mas o palmeiras não comprou. Tem que tentar comprar não os 25%, mas 50 % ou os outros 75%. Joga muito, tá merecendo a titularidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Calmon! Só 25%?! Que melda... cadê a tia Leila pra essas horas? rsss. abs!

      Excluir
  3. Salve Roberto!!

    Só quero fazer um adendo nisso tudo... Morre Mustafá!!! rsrsrs

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salve Claudjones! Gostarás do próximo post então... rs. Vou pelo positivo, recomendo aquele retiro bonito no clube de campo em Parelheiros, show de bola... tem bastante água verificar o Ph... rs. Abs!

      Excluir