segunda-feira, 17 de abril de 2017

Assimilando o golpe

Antes que comecemos a surtar após o revés de ontem pedindo a excomunhão do treinador devemos lembrar que nem mesmo um Barcelona está livre de um 3x0 após grandes jogos realizados.

Ressaca. Ficou claro que o Palmeiras estava na ressaca após o jogaço no meio da semana. Pra quem não conhece o futebol pode parecer estranho, mas é a mais normal das situações que podemos encontrar no esporte, com inúmeras referências que corroboram a tese.

Tendo um adversário que estava no “jogo da vida”, tivemos grandes dificuldades ofensivas decorrentes de sua excelente marcação. Esfarrapada desculpa para quem enfrentará percursos tanto mais cerrados durante a temporada. Mas assim foi.

A ordem do dia é: assimilar a derrota e não acusar o golpe. Chama todo mundo (principalmente as noivas Osmar Feitosa e Thiago Santos) e fala: “aqui todos se ajudam. E se for pra cair, que seja EM PÉ, como HOMENS!

TODA temporada vitoriosa tem PERCALÇOS e é justamente a FORMA como os VENCEMOS que nos ensina a ser CAMPEÕES.

Nem tudo na vida pode ser como gostaríamos. E tudo bem! Isso não significa que não sigamos lutando pois nada se colhe sem que tenha plantado antes. Nosso APOIO HOJE será a SEMENTE de nossa vitória amanhã.

12 comentários:

  1. Fala Roberto!!! Blz?

    É exatamente o que senti no jogo. O Palmeiras estava irreconhecível, parecia estar em torpor. Os números do Eduardo são muito bons pra tentar responsabiliza-lo por um jogo em que ficou claro que eram os jogadores que não estavam funcionando. Tenho certeza que não foi por incapacidade técnica, mas sim emocional.

    Confesso que pra mim o paulista seria um prêmio bem vindo, mas não está no foco. Se esta situação levar o time a um amadurecimento, para que não tenhamos que passar por isso na libertadores, concordo com o castigo. Se não, é um trabalho de pelo menos dois anos jogados no lixo, o que seria uma pena.

    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Beleza Claudjones! O lance é esse, amadurecer com os erros e não deixá-los atrapalhar todo o trabalho! Vamos lá! Abs

      Excluir
  2. Bom dia Galluzzi, perfeita a análise! Agora é a hora de apoiar! Já li muita abobrinha de palmeirenses em grupo de whats... (querendo a saída do EB, nó tático do Kleina...) Na minha opinião o time estava cansado do jogo de quarta e o EB não "rodou" o elenco... esse foi o erro... não temos o melhor elenco? Poe pra jogar no paulista... já a ponte estava na final da copa do mundo... Agora, se os reservas não jogam nem o paulista, com os titulares cansados, quando vão jogar??? quando vão mostrar a força do elenco??? no segundo tempo o time perdendo de 3 e não tinha força pra atacar... Se tivesse entrado com os reservas, o resultado poderia ser melhor e em caso de derrota a pressão seria mínima... agora a imprensa de gambá já tem assunto para a semana... abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo Grego, mas aí é que está... se o Batista entrasse com um elenco "reserva" seria massacrado! Seria o mais certo, mas o "produto" (campeonato Paulista) não permite esse tipo de tática... então eles fingem que jogam... abs!

      Excluir
  3. Fala professor! boa semana (no possível). Concordo que não é caça às bruxas agora, mas algo deve se tirar de lição deste jogo e dos últimos. Chuteira alta? Presunção? Acharam que qq hora ia e faria 3, 4 gols? Não podemos perder esta classificação, pois o título estava nas mãos.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então VH, não acho que tenha sido presunção, pelo contrário. Foi consciência de nossas limitações frente a possibilidade de jogar 2 campeonatos ao mesmo tempo. Na minha opinião, corretíssimo. Valeu, abs!

      Excluir
  4. Galluzzi,
    Colocar Zé Roberto e Dracena pelo mesmo lado é um erro, quantas vezes vimos o Vitor Hugo correndo feito um maluco pra cobrir a lateral, o Dracena tem mais bola mas não tem pulmão pra fazer isso. Os outros técnicos sabem disso e sempre vão buscar jogadas pelo nosso lado esquerdo. Não estou afirmando que esse fato fez o Palmeiras perder do jeito que perdeu, mas acho que contribuiu, acho até que depois daquele jogo insano contra o Penharol tanto o Zé quanto o Dracena mereciam ter descansado nesse jogo. Agora imagina como fiquei feliz quando entrou o Alec(slowmotion)sandro, o EB conseguiu o que parecia impossível, piorar a mobilidade do time.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Julio my friend... sinceramente? Não perca seu tempo fazendo análise tática dessa partida. A equipe simplesmente TIROU O PÉ pra não ir à final do Paulista, pois irá coincidir com a disputa das DUAS partidas mais importantes dessa fase de grupos da Libertadores (dia 26 e dia 03, fora de casa!). Ao contrário do que a imprensa BABACA reproduz, a escolha de um campeonato em detrimento de outro pode ser legítima, válida e sábia. É no que acredito. Abs.

      Excluir
    2. Discordo de você Galluzzi. Se tivéssemos empatado o jogo com o Peñarol estaríamos em risco, de fato, na libertadores, então deveríamos focar e concentrar totalmente no torneio continental, porém a grande vitória de quarta-feira nos deu tranquilidade para seguir bem no grupo e, na minha opinião, não precisaríamos ainda desistir do Paulista. Agora, se é pra tirar o pé e escolher um campeonato, como você disse, que seja feito colocando um mistão em campo, como observaram Julio e Gregório, assim não muniríamos essa impren$a que tanto ama nos pressionar. Acho que um time misto seria o ideal para este jogo (vide Thiago Santos, que tava tão ligado que até tomou cartão sem jogar, kkkkkkkkk). Enfim, não adianta falar no passado, né?

      Excluir
    3. Oi Franco, permita-me explicar: não basta "classificar" na Libertadores. Esse que é problema. Se o time se classifica com menos de 12 pts tem grande chance de fazer as fases finais fora de casa e aí que está a manha... lembre-se de 99 como isso foi importante e ainda mais agora no Allianz. É por isso que não me importo apenas em "classificar" e sim fazê-lo com grande pontuação, que nos dê a vantagem de decidir em casa. Por isso os jogos contra Peñarol e Wilstermann fora são tão importantes. O Tucumán é só no dia 25/05, tem mais tempo.

      Sobre jogar com "mistão", eles não permitem isso. Se o Batista OUSASSE colocar um misto em campo pruma primeira partida de semi-final, seria MASSACRADO antes mesmo do time pisar em campo. Pela imprensa, pela torcida e até pela diretoria...

      Infelizmente amigo, tem muita coisa no mundo que as reportagens da TV não explicam... uma delas é que do bastidor do futebol não sabemos nem 20% do que acontece. E te juro, se ficasse claro, as pessoas mudariam radicalmente suas opiniões sobre o assunto. Mas eles não falam. E assim segue o mundo... valeu, abs!

      Excluir
  5. Galluzzi, Não me lembro se foi no final do ano passado ou inicio deste, com certeza voce tem o histórico ai. Discutíamos sobre elenco e me lembro que voce disse que tínhamos que começar a pensar nas laterais. Pois é. Na direita esta muito deficiente pois o Fabiano é só um reserva e o Jean vem muito mal este ano, não foi bem em nenhum jogo, talvez com a saída do Arouca deva voltar no meio.
    Na esquerda sem querer depreciar, mas o Zé Roberto merece uma festa em sua despedida, mas não da mais, está começando a atrapalhar sua carreira e ao Palmeiras, e o Egídio é isso que conhecemos. Acho que o Mattos e diretoria precisam urgente ir atras de dois laterais para virem e assumir a posição. De cara assim não sei quem.
    Agora como palmeirense da gema, jamais jogo a toalha, estarei torcendo e acreditando, ganha o jogo sábado, mas a classificação acho que ja foi pro saco. Podemos ter dezenas de justificativas, mas é muito importante este paulista e o EB tem muita culpa sim no ultimo jogo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é PG, é a teoria do ELO FRACO, que põe tudo a perder, mesmo com craques noutras posições. Mas sendo sincero, acho que nesse jogo o time tirou o pé mesmo, jogou com o freio puxado, poupou-se pra sequência. Sei que isso é controverso, mas tenho a firme convicção que o time ESCOLHEU não ir às finais do Paulusta, justamente pois casa com 2 das partidas mais importantes na Libertadores, que pra mim é 20x mais importante do que o Paulista (principalmente quando nela se chega com um time pra ser campeão). Seja como for, que essa atuação seja isso mesmo, uma exceção. Abs!

      Excluir