quarta-feira, 7 de junho de 2017

Cadê a BLINDAGEM? Palmeiras volta a ser peneira de notícia ruim

Saiu a Parmalat, fomos rebaixados. Saiu o Paulo Nobre voltamos a ser a peneira de notícias jocosas e piadas com o time. Gostaria de saber quem foi o imbecil a cantar pra imprensa que o lucutor do Allianz teria que “baixar o tom” e não fazer mais provocações (leves, que a torcida adora).

Não dá... assim não dá. Voltamos ao velho Palmeiras de sempre, de onde partem fofocas e rumores em profusão e que só ganha campeonatos de piadas sobre o time.

Primeiro: O locutor estava ótimo. Segundo: calem a boca!!!! Fica cantando tudo o que acontece pra imprensa deitar rolar em cima, assim não dá!

Olha pessoal, espero estar enganado... mas o Palmeiras dá todos os sinais de já ter voltado completamente ao tipo de administração medonha que sempre tivemos (década de 80 e anos 2000), a mesma que nos leva à fila e vexames.  A mesma que trata o futebol como um ESTORVO. A mesma incapaz de GERIR UM GRUPO que se dedique à camisa. Mais uma vez, espero estar errado, mas....

Outro indício claro é a postura desta em relação ao Mattos. O cara é excelente, mas a diretoria já lhe faz cara feia!!! É uma falta de reconhecimento atroz! Bons Diretores de Futebol são RARÍSSIMOS, deveríamos valorizar seu trabalho. Isso não significa que tenhamos que aceitar tudo o que é proposto (como esse torneio da Florida). Apenas não entornar o caldo por conta de detalhes.

5 comentários:

  1. Bom dia GAlluzzi! Creio que o $ está falando mais alto. Dinheiro que veio com ótima administração; dinheiro que veio da renda do estádio; ai os laranjas podres se acham melhores que os outros e começam a dar uma de sangue azul. O conselho tem muita gente das antigas que não largam o osso.... Tudo é motivo para fofoca e venha k: que noticia besta hein... afff. abçs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é VH, mas acho que vai ainda além disso. Pq na época do PN, foi com dinheiro (e muito) que conseguiu o respeito e quase "obediência" à sua (excelente) "linha dura pró-Palmeiras. Precisou o Palmeiras estar de JOELHOS (tal como em 1992...) pra CALAR-SE e obedecer alguém que bem administrava o futebol (apesar de cortar os benefícios e carteirinhas...).

      Graças a condição de PENÚRIA que o Palmeiras vivia e a solução que o PN ofereceu, o Palmeiras (digo conselheiros palpiteiros) calou-se, seguiu a cartilha do mque devia ter feito e REERGUEU-SE, voltando inclusive a atrair PATROCÍNIOS como o da Crfeisa, que só veio pra cá depois de estarmos SANEADOS financeiramente, algo que poucos tem CORAGEM pra reconhecer e muito além da historinha RÍDÍCULA da Dna. Leila sobre estar assistindo tv e falar pro seu marido "pq não investes no Palmeiras?"

      Pra quem viveu a década de 80 inteira, sinto de longe o odor azedo da cornetagem interna, calejado que sou (filho da fila) pelos efeitos catastróficos desse comportamento nefasto. Haja preocupação meu caro... abs.

      Excluir
  2. Caro Galluzzi, estou com a mesma sensação algo mudou e pra pior. Nosso presida parece ser mais um bobo da corte na mão dos Carcarás. Deus queira que estamos errados!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha JP meu caro, infelizmente devo te dizer que nem mesmo a vontade divina é suficiente. O Deus que ainda paira onipresente no Palmeiras é outro...

      Excluir
  3. Isso só vai mudar no momento que a Constituição Brasileira permitir que os times sejam SA-Sociedade Anonima ou LTDA. como é na Europa e nos EUA. Ou seja, tiver um dono, ai as múmias empalhadas e sapos nem sequer irão pisar na calçada do Allianz, que fiquem com o clube social se é que vá sobrar.

    ResponderExcluir